quarta-feira, 29 de abril de 2015

Segredos



Segredos

No momento perfeito
faltaram degraus no chão
caminho imperfeito
nas escadas do coração

todos os segredos se foram
suplicando um rumo
medo condescendente a razão
primitivo prumo

a paixão ouviste
hostes honra
o amor persiste
dizima a hora

servindo o minuto
bordas por porção
respectivo fruto
toma parte do coração.

Arthur Nett
26/03/2015

Nenhum comentário:

Postar um comentário