segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

Alianças de Almas



Alianças de Almas

O tempo passa devagar
a saudade só aumenta
tudo é vazio sem ter você para amar
sua fotografia sustenta

o mais forte sentimento
encurtando entre nós a distancia
que há no sonhar e o momento
alongando a paixão com constância

com corações perto voa a hora
os corpos estando longe
sinto o amargo de ir embora
com seu beijo o amanhã é hoje

nada mais pode ser escrito
alianças de almas sentindo
impossível de ser descrito
apenas por nos vivido.

Arthur Nett
08/01/2015

Nenhum comentário:

Postar um comentário