quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

Algema de Corações



Algema de Corações

Ela caminha calma
a vejo e perco o folego
seu olhar me acalma
abraça o meu ego

penso na sua mente
quero as suas emoções
seu corpo sente
a algema de corações

ela é perpetua
com o sentimento
minha alma é sua
sucumbindo ao meu conhecimento

houve um tempo
que eu poderia viver
sem você ao vento
entrelaçado a cada entardecer.

Arthur Nett
01/11/2013

Nenhum comentário:

Postar um comentário