sábado, 18 de agosto de 2012

Lua Graciosa





Lua Graciosa

O Céu perdido
sobre o amor
jamais esquecido
brotando a estrela da flor

as pétalas depois do concreto
no azul do Paraíso
sinfonicamente certo
meu olhar paira no seu sorriso

florescendo o pólen da vida
ao seu lado claramente
planto os astros da vida
regendo a paixão sutilmente

a Lua graciosa
alimenta o desejo
da sua boca saborosa
pela sinfonia do meu beijo.

Arthur Nett
08/01/2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário