segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Bulevar do Encanto




Bulevar do Encanto
Amadurecimento cinzento no canto
do céu azul nos seus desejos
te prendo na bulevar do encanto
em estrelas fascinantes de beijos

alameda da nuvem branca
famélica trilha de amor
na sua colina branca
arrepios nas pegadas de flor

prazer de amendoas no vento livre
arranhando a coroa de flores
rumo ao leste para sempre
no rastro das suas flores

o Azul do Céu no alto do pico
com o Sol esculpe a montanha
no seu calor eu sempre fico
nas estrelas sempre será minha.


Arthur Nett

24/10/2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário