sexta-feira, 2 de novembro de 2012

A Fera





A Fera

A muitos anos atrás
habitei um castelo
na Romênia o povo era incapaz
de ver como o sangue é belo

no alto do monte
tirei sua vida
as primaveras não conte
espere o inverno e sua partida

jovem e bela
me encontra em sonhos
sombrios meus e dela
vejo azul do Mar nos seus olhos

por noites a caçar a fera
tenta ceifá-lo como apenas um homem
o vampiro já espera
e num longo beijo se consomem.

Arthur Nett
03/10/2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário