segunda-feira, 9 de junho de 2014

Luz do Palácio


Luz do Palácio


A luz do palácio 
em laços de afeto
um sonho macio
amor concreto


por uma vida
sedento desejo
pureza partida
em dois pelo beijo


nunca se mostrava
iniciava obscuro
à vontade me guiava
provido do futuro


ninguém entre nós
somos um casal
frente a uma vida selvagem a dois
protegidos pelo cântico celestial.



Arthur Nett
                                                                                        20/05/2014 

Nenhum comentário:

Postar um comentário