quinta-feira, 3 de maio de 2012

A Linha do Rubi




Linha do Rubi
Voçê é o alicerce das estrelas
laguna das correntes na balsa d'água
a nuvem se ajoelha as suas pétalas
flores exoóticas se perdem a sua anágua

o vento sopra os segredos
seu corpo é a linha do rubi
um trem de ouro nos trilhos dos medos
e eu a campana do seu charme aqui


perdida no campo do jardim secreto
seu cinto vermelho, seu lábio cintilante
caminha na estrada de grama do coreto
vagalumes acendem o anel de diamante

o navio á deriva no poço dos desejos
minhas mãos arrais dos seus cabelos
no corpo um convés castigado na tempestade de beijos
paixão de chocolate afundando no mar de caramelos.

Arthur Nett
14/07/2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário